Posted by on ago 16, 2015 in

Animação. 70′ – 2020

Através de depoimentos, o filme tenta explicar os acontecimentos que levaram uma prostituta a tornar-se santa no imaginário dos moradores da cidade de Porto Alegre.

Créditos preliminares:

Roteiro e Direção: Rodrigo John

Produção Executiva: Adriana Hiller

Direção de Arte: Francisco Souto Leite (Chico Shiko)

Sobre o projeto

Ceci Bon, contração do nome Cecille Bonaparte, soa em francês como C`est si bon, ou “É tão bom”, em português. Judia tcheca, Ceci foge para a América do Sul, sendo vendida como francesa  nos Pecados Capitais, bordéis famosos da cidade na década de 1920.  Ali, conhece personagens como Lupicínio Rodrigues, Barão de Itararé e C* de Bronze,  cuja derriére  deu nome ao Alto da Bronze, fato hoje desconhecido pelos moradores da região. Através da história destes personagens, contada por reconhecidos historiadores e antigos moradores da cidade, as versões conflitantes dos fatos trazem dúvidas sobre a credibilidade dos depoimentos. O projeto foi contemplado no PRODAV 5 – edital de desenvolvimento de projeto do Fundo Setorial do Audiovisual.